Jovens da IQC



E se Deus te mandasse um e-mail?

 

Olá, como acordaste hoje de manhã? Eu vi-te e pensei que tu irias falar comigo, mesmo que fossem apenas umas poucas palavras, e que querias saber a minha opinião sobre alguma coisa ou mesmo agradecer-me por algo bom que aconteceu na tua vida ontem.

Mas eu notei que tu estavas muito ocupado a encontrar uma roupa que ficasse bem em ti para ires para o trabalho. Então, eu esperei outra vez.

Quando tu correste pela casa de um lado para o outro, já pronto, eu sabia, eu estava lá. Seriam certamente poucos minutos para tu parares e dizeres: “Olá!” mas tu estavas realmente muito ocupado.

Mas por um momento tu pensaste que tinha que esperar 15 minutos e gastaste este tempo apenas sentado numa cadeira sem fazer nada, estavas apenas sentado.

Então, eu vi-te mexer rapidamente a olhar para os teus pés que se movimentavam, e eu pensei que tu querias falar comigo, mas tu correste para o telefone e ligaste a um amigo para contar as últimas novidades. Eu vi-te quando tu foste para o trabalho, e eu esperei pacientemente o dia inteiro. Com todas as tuas actividades Eu achei que tu estarias realmente muito ocupado para dizer-me alguma coisa.

Eu notei que antes do almoço olhaste ao teu redor, talvez te sentiste com vergonha de falar comigo, isto é, porque tu não inclinaste a tua cabeça.

Observaste 3 ou 4 mesas e notaste alguns dos teus amigos a falar comigo brevemente antes deles começarem a comer, mas tu não falaste comigo.

Ok! Hoje ainda existe tempo de sobra, e eu tenho esperança que tu irás falar comigo ainda.

Mas foste para casa e parecia que tinhas muitas e muitas coisas para fazer ainda hoje. Depois de teres terminado algumas delas,  ligaste a televisão.

Eu não sei se gostas ou não de ver televisão ou apenas por estares a assistir, mas gastaste muito do teu tempo, quase todo o teu tempo em frente à televisão, não pensaste em nada mais, apenas assististe com gosto ao programa. Eu esperei pacientemente outra vez enquanto estavas a ver televisão e jantaste, mas mais uma vez tu não falaste comigo!

Hora de ir para cama, hora de dormir…

Eu acho que tu deves estar muito cansado.

Depois disseste boa noite para toda a tua família, foste para a tua cama, caiste no sono e dormiste rapidamente.

Ok, porque talvez tu não saibas que eu estou sempre  lá contigo, sempre do teu lado, disponível para ti. Eu tenho muita paciência muito mais do que tu possas imaginar. Eu quero mesmo ensinar para ti como ser paciente com as outras pessoas e como ser bom.

Eu amo-te tanto que eu espero todos os dias por um sinal teu, um simples inclinar da cabeça, uma oração, um pensamento ou um agradecimento por parte do teu coração.

Sabes, é muito difícil numa conversa só existir um lado, só um a conversar. Bom, tu vais-te levantar outra vez para um novo dia, e mais uma vez, e mais outra vez, e outra vez, e serão muitas vezes ainda que eu estarei lá talvez à espera por nada, mas com muito amor para ti, à espera que hoje tu possas dar-me alguma atenção, um pouco do teu tempo.

Tem um bom dia!Do Teu sempre amigo,

Deus

 


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: